Crônica: Qual O Maior Terrorista: Osama ou Obama?



Cena deprimente ver os norte-americanos comemorando a morte do famigerado Bin Laden, milhares de estadunidenses foram às ruas festejar a morte do terrorista acusado de ser o mentor intelectual do atentado que humilhou aos americanos naquele fatídico 11 de setembro.

Parecia as ruas brasileiras quando o Brasil ganha um campeonato mundial de futebol, bandeira nacional na mão, hino nacional cantado a viva voz, enfim, um êxtase patriótico... O porquê dessa festa? A morte de uma pessoa... Como pode um cristão festejar a morte de um ser humano?

Pacifista convicto, me causou estranheza aquela comemoração. É certo que ele causou dezenas, talvez centanas de mortes, mas isso não dá o direito a nehuma pessoa nem a nenhum País de tirar a vida de outrem.  Somente Deus, o criador da vida, pode tirá-la. Qual parte do "Não matarás" eles não entenderam? Será que deveria ser acrescido: "Não matarás e não festejarais a morte de ninguém"?

Morte por morte, quantas lares no Afeganistão não foram bombardeados pelos americanos? Quantas crianças não foram despedaçadas pelos mísseis americanos no Iraque? Quantas mullheres não foram estupradas no Vietnã pelas tropas americanas? Afinal, sob essa ótica, quem é mais terrorista Osama ou Obama, Bush ou Sadan?

Os EUA acabaram de dar um tiro no pé: criaram um mártir para o mundo árabe. Alguém duvida que o Osama vai ser muito mais perigoso morto do que vivo? Graças a Obama o Islamismo radical tem um novo herói: Bin Laden; o mundo árabe agora o chama de "O Guerreiro de Deus" (Alah)!. Sabe quantos milhares de homens-bomba vão morrer sorindo em honra a Osama? Até crianças-bomba já se voluntariaram para explodir um americano ou uma embaixada americana...

Já imaginaram se o Paquistão organizasse uma operação, invadisse o espaço aéreo americano,  adentrasse a Casa Branca durante a madrugada, matassem um desarmado Obama com um tiro de fuzil na cabeça, atirassem na perna da Michele Obama, matasse as filhas do Obama? Seria considerado auto-defesa? Os demais países abaixariam a cabeça bovinamente e diriam a justiça foi feita? Desde quando vingança é sinônimo de justiça?

Violência só gera violência. O que plantares colherás. O Obama talvez tenha até garantido a sua reeleição ao autorizar a execução sumária de Osama. Mas a que preço? O tempo dirá... Até quando a história será manchada com sangue e lavada com lágrimas?


Comentários