Poesia em Prosa: Canto dos Pássaros Para Uma Mulher de Verdade




Três anos se passaram amiúde.
Mas,em mim, é como se fora ontem.
Tudo vive, tudo pulsa, nada passou.
Noites frias, cama quente, você linda, minha.
Acordávamos ao som dos pássaros,
Felizes, do meu quintal.
Que nos acordavam com melodias divinais
Dessas que se ouve uma vez,
E não se olvida jamais...


Quantas vezes fomos despertados por eles,
Quantas vezes fomos dormir com eles.
Eram pardais, curiós, sabiás, beija-flores.
E nesse canora inspiração matinal
Eu beijava tua flor, bela, enorme, cheirosa.
E você, correspondia como sempre,
Como uma balzaquiana incontida, plena.
Me devolvia em dobro, cada gesto de amor,
Que eu, meticulosamente, semeava em teu corpo fértil...


E os pássaros, em coro, me mostravam.
O quanto você me amava
Em cada sorriso agradecido,
Em cada beijo, pedindo mais.
E, assim, compúnhamos a nossa melodia de amor
A dança harmoniosa dos corpos,
Encaixados, consoantes, iluminados.
E você, como afrodite, a deusa grega do amor,
Enlouquecia meu corpo sortudo
Com teu insofismável talento degustativo.
Por minha vez, simples mortal,
Percebia no teu riso, nos teus olhos emocionados,
A emoção genuína, evidente, cristalina,
Você se sentia amada, desejada...


Musa minha, tão segura, tão decidida
Você queria o pra sempre
Mas  homem, bicho estranho, 
Achava que era "cult" ter vários instrumentos musicais.
E, imbecil, não enxerguei você, violino perfeito.
Para a música ideal...


Hoje, só me restaram os pássaros
Que em cada amanhecer insistem em me lembrar
Mulher de verdade, bicho raro,
Não é fácil de encontrar.


Raimundo Freire.



Comentários

  1. Brilhante, quem é a sortuda?

    ResponderExcluir
  2. Nossaaaaaaaaaaaaa!!!!

    ResponderExcluir
  3. Não consigo parar de ler esse texto...
    Infindas lembranças.
    Imensuráveis saudades...

    ResponderExcluir
  4. Menino que coisa linda, eu fiquei emocionada. Renata.

    ResponderExcluir
  5. Realmente, lindo texto. Expressão perfeita da saudade e do lamento de um amor perdido que encontrou o que mais desejava, o que toda mulher de família quer, uma família. E a deixastes escapar. Mas, tudo só dura o tempo que deve durar. Mas, como dissestes: "homem bicho estranho" No teu caso, bicho solto. rsrsrs

    ResponderExcluir

Postar um comentário