Poesia em Prosa: Refúgio Secreto



Existe um lugar
De incontida alegria
Que cheira a poesia
Que tem gosto de você
Existe um lugar
Pra guardar tanta história
Um lugar pra gente se vê
Onde uma menina construiu sonhos
Onde uma moça se fez mulher
É nesse lugar que ela guarda
Todo seu aconchego
Aquele macio, gostoso
Cheio de esperança e de encanto
Ambiente de sorrisos e de segredos
Onde ela guarda no peito
Seus anseios, seus medos, seus desejos
Um quadro na parede
Um poema na moldura
Um sofá vermelho, cor do pecado
Uma janela para o infinito
É neste lugar reservado, mágico
Que ela guarda com muito carinho
Seus desejos de mulher, de fêmea
Para alguém muito especial
É ali que ela esconde seus tesouros
Dos piratas, homens estranhos
É ali que ela escreve seus poemas impublicáveis
Amores impossíveis, príncipes encantados
É ali que ela se transfigura
De menina, em mulher ideal
Vida tua, vida minha, vida sua
Cabe no teu ninho
Recôndito inescrutável
Labirinto de locupletações
Esconderijo de doçuras
Ambiente de sutis maravilhas
Sempre belo e inesquecível
Existe um lugar, o teu lugar
O inesquecível, refúgio secreto.


Raimundo Freire

Comentários

Postar um comentário