Existe Uma Mulher



Existe uma mulher
Que ninguém sabe o seu nome
Existe uma mulher
Que seu filho nunca morre de fome
Existe uma mulher
Que protege seu filho amado
Que não o deixa cair machucado
Existe uma mulher
Que tem o vestido rasgado
Mas seu filho, está sempre gomado
Existe uma mulher
Que tem um amor incontido
Que cuida do filho, e cuida do marido
Existe uma mulher
Que trabalha desde cedo
Que faz carvão no mato, sem medo
Existe uma mulher
Que ao parir quase morre
Que no dever da escola me socorre
Existe uma mulher
Que quando tenho medo pega minha mão
E acalma meu acelerado coração
Existe uma mulher que na rua do buraco morava
Mas a sua casa limpa sempre estava
E com dias melhores sonhava
Existe uma mulher
Que me ensinou a gomar
Que me ensinou a lavar
E no quartel, na hora da alvorada
Não precisei, por isso, penar
Existe uma mulher
Que juntava minhas mãos
E me ensinou de joelhos orar
Que me ensinou o caminho da luz
Que me apresentou a Jesus
Existe uma mulher
Que me abrigou no seu peito
E por essa mulher, hoje,sou homem feito
Existe uma mulher
Que me teve na beira de um rio
E por ela nunca passei frio
Existe uma mulher que me colocou freio
E hoje eu luto sem receio
Existe uma mulher
Que me ensinou a não desistir
Por ela eu caio, levanto, volto a sorrir
Existe uma mulher que me ensinou a não correr
E por ela eu luto até morrer
Existe uma mulher
Com um livro de conhecimentos gerais
Que estudei uma vez e não esqueço nunca mais
Existe uma mulher
Que sendo pobre, se fez rica
Que sendo pequena , se fez grande
Que sendo fraca, se fez forte
Que hei de amar até depois da morte
Existe uma mulher
Que eu quero agradecer
Por ter me ensinado a viver
Quem é essa mulher
Que mudou a minha vida?
Que jamais será esquecida?
Existe uma mulher 
Que por ela eu existo
Pra essa mulher tenho a dizer
Que você é minha flor
Que você é meu grande amor
E nesse poema precário
Te desejo um feliz aniversário
Obrigado meu amor
Obrigado minha mãe...
 

Raimundo Salgado Freire Júnior



Comentários

  1. Nossa! Que dizer diante de tanto sentimento? Profundo e pleno. Quisera que todas as mães assim fossem e que todos os filhos pudessem assim ser amados. Estive aqui ontem, e não controlei o impeto e voltei para comentar. Freire, lindo demais..... essa é a história de amor vivida com tua mãe lindamente. Quanto privilégio.

    ResponderExcluir

Postar um comentário